07maio16 - Orleans: Vereador e ex-prefeito Vá desmente o atual prefeito Marco Cascaes

06/05/2016 08:56
Uma frase de efeito do prefeito Marco Cascaes publicada no jornal Hoje de Orleans, na edição do último fim de semana, mexeu com o brio do vereador Osvaldo Cruzetta (Vá). O vereador usou a tribuna da Câmara na segunda-feira (2) para manifestar seu descontentamento em relação à frase, onde foi taxado de falso e demagogo pelo alcaide. 
 
Segue o pronunciamento do vereador na tribuna da câmara:
“Vou ler uma frase do nosso prefeito na imprensa: ‘Não gosto de falácias, nem de demagogia, é o que esse vereador faz com muita propriedade - Marco Antônio Bertoncini Cascaes, prefeito de Orleans, do PSD, sobre comentários do vereador Osvaldo Cruzeta, o Vá, do PP, o qual afirmou na última sessão da Câmara a queda na arrecadação no município é de R$ 190 mil, e não de R$ 2 milhões como é dito pelo secretário desse governo’. Eu gostaria de dizer ao prefeito, que os balancetes estão aqui, inclusive assinados por ele, da receita quando eu citei mês a mês do ano passado e desse ano, então na verdade é isso que eu estou afirmando mesmo, a receita não caiu R$ 2 milhões como é dito, isso é uma enganação a nossa sociedade. Acho que o prefeito assinou o balancete sem ler, como é de costume dele, que também assinou um aumento para os funcionários, um auxílio de vale alimentação de R$ 100,00 e depois disse para os próprios funcionários que assinou sem saber. Além de não pagar, ainda mandou um projeto de lei para essa casa para anular aquilo que ele tinha feito, alegando que assinou o documento sem ler, que colocaram em cima da mesa dele... Isso sim é falácia, é demagogia. Quero dizer mais ainda, que o prefeito, teve a oportunidade de vir aqui nessa casa quando ocorreu aquela investigação do Ministério Público, e do Gaeco no nosso município, foi criada uma comissão de apuração dos fatos aqui na câmara, ele veio, mas preferiu permanecer calado, não falar as verdades para o povo de Orleans, isso sim é falácia, é demagogia. Falácias são os 80 cargos comissionados que ele tem na prefeitura e faltar dinheiro para a correção do ano no aumento do salário dos funcionários públicos municipais. Antes de desafiar os vereadores, o prefeito deveria vir a público e dizer o que será feito com o dinheiro arrecadado do IPTU, que, aliás, quatro anos desse governo e nós não vimos nenhuma obra com recurso do IPTU, e não foi pouco, são R$ 12 milhões que foram arrecadados e onde foram aplicados ninguém sabe. Ele (prefeito) diz que em Orleans não há nepotismo, mas o Ministério Público e a Justiça de nosso município mandaram que fossem demitidos alguns de seus parentes. Falácias prefeito, é mentir para sociedade, é não falar a verdade.  Além disso, todos os prefeitos vinham repassando recursos para o Proart, para o Instituto Cultural Francisco Zomer, para os alunos estudar, aprender música, aprender arte, e infelizmente muitos professores serão cortados, pelo não pagamento da prefeitura. O prefeito não segurou os recursos para o repasse de R$ 12 mil mensais e baixou para R$ 5 mil. 
Quero dizer mais uma vez que a queda na receita do município nesses três meses desse ano, comparando com os três meses do ano passado foi somente de R$ 190 mil, e não de R$ 2 milhões. Deixo aqui um desafio para que ele venha a essa casa com os balancetes explicar para os vereadores na próxima sessão. O convite está aberto para que nós possamos debater isso que ele assinou aqui, ou ele assinou sem saber todos esses balancetes?”. 
 
Vereador Osvaldo Cruzetta reage à crítica de prefeito para com sua pessoa

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!