19mar11 - Pessoas (por Gladys Helena)

18/03/2011 20:54

 

A (mau) gosto I
O bate-boca na Câmara de Vereadores de Tubarão durante a votação do projeto da reforma administrativa da prefeitura foi maior na discussão dos cargos comissionados. Um parlamentar perguntou ao outro quantos comissionados ele havia indicado. Esse se defende dizendo que não tinha nenhuma indicação pessoal, e sim o partido. Esse mesmo parlamentar questionou o número de comissionados do primeiro. Ao que respondeu 33. E ainda por cima desafiou: aquele que não tiver apadrinhado que se manifeste na tribuna... Quem respondeu? Ninguém. Ficou um silêncio só no recinto.

 

A (mau) gosto II
Isso o que aconteceu na câmara de Tubarão não é pluralismo coisíssima nenhuma, mas sim um jogo de interesses que resulta em samba do crioulo doido.  A Constituição garante igualdade, porém uns são mais iguais, outros bem menos.

 

Boas notícias em tempo de tsunami
Civilidade é uma lição que o Japão, mesmo destruído por mais uma tragédia, está dando ao mundo inteiro. O comportamento educado da população é mesmo coisa de primeiro mundo. Sem água potável, sem energia, com pouca alimentação, não se houve falar em saqueamento de supermercados, arrastões ou qualquer tipo de oportunismo em querer tirar proveito da desgraça alheia. Também até agora não assisti a nenhuma reportagem falando de pessoas cobrando valores exorbitantes por um galão de água. Bem lá não é Brasil... Ainda temos muito que aprender com eles.

 

Roubo em igreja
Pois os ladrões não estão poupando nem os templos religiosos. A igreja Matriz São José Operário de Oficinas e o Seminário Nossa Senhora de Fátima em Tubarão já sofreram com ações de ladrões. Essa semana foi a vez da igreja matriz Santa Otília em Orleans. Um sujeito pegou às pressas o equipamento de som da igreja e já estava levando embora do local. Por sorte foi visto por outras pessoas e em poucas horas a polícia recuperou o equipamento.  Bem... só pode ser gente de pouca fé ou usuário de drogas, não creio que uma pessoa em sã lucidez possa fazer tal ato em um lugar religioso.

 

De volta à cena
Para os amigos e não amigos que não o encontravam mais por aí, e sempre perguntavam pelo Celso Meneghel, pergunta que também fiz algumas vezes nessa coluna... Quero informar ao amigo/leitor que o ex-vice-prefeito de Tubarão está de volta à cena política da cidade, devendo assumir a um cargo na nova estrutura da prefeitura da Cidade Azul. Bingo!

 

Diferente
Engraçado... tem alguns seguimentos da imprensa orleanense que nem ao menos sabem disfarçar. Quando a vereadora Nice era presidente da Câmara Municipal, cada passo dela era investigado, questionado, criticado etc... Agora, com a Lela Padilha, a coisa está bem diferente, até inimigos ferrenhos da nova presidenta não mais exigem lisura administrativa, nem ao menos criticam a Casa. Quem mudou? A imprensa ou a presidente?

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!