23abr11 - Pessoas (por Gladys Helena)

22/04/2011 19:12

 Cadê você??

O que dona Lela Padilha, a presidente da câmara de vereadores de Orleans, fará nesse feriadão?

Procurei, procurei e não consegui saber.

 

Exagero

Sabe quanto ganha um editor da TV Senado em início de carreira?  R$ 22 mil mensais. Agora sabe quanto é o piso de um jornalista em Santa Catarina? R$ 1.300 reais. Agora sabe quanto ganha um jornalista em Tubarão? Nada a dizer.

 

Realidade

Comemoramos essa semana o Dia do Índio. Pensando bem, sem querer comentar sobre povos indígenas, a Câmara de Vereadores de Laguna, nunca esteve tão repleta de "caciques".

 

Psiu

Edinho disse num programa de rádio que o “PMDB não levará mais malandro nas costas”, numa clara alusão ao vereador Caio Tokarski. Mas como o deputado não tem controle sobre seu partido em Tubarão... Em algumas situações, falar além do necessário não resolve.

 

Bate e volta

Já no Twitter do vereador Caio Tokarski está postado: “Perplexo com a entrevista do Dep. Edinho no DS. Muita raiva, ameaças e perseguição. Só faltou falar do mais importante, nossa cidade”.

 

Sem nota

Reclamação cai aqui na redação desse hebdomadário dizendo que a 

Chuvisco do Farol Shopping não emite Nota Fiscal. Será? O  espaço a disposição.

 

Oportunidade

A Unisul está com as inscrições abertas para ingresso na universidade através do vestibular e do passaporte. As inscrições para o Vestibular vão até o dia 17 de maio de 2011 e devem ser feitas pela internet, através do site www.acafe.org.br. 

 

Donos da cidade

Fala-se muito em reciclar lixo, mas as autoridades precisam dar um basta nos abusos dos carroceiros que catam esse lixo reciclável. Alguns deles sem o menor constrangimento rasgam as embalagens de lixo que estão colocadas nas calçadas esperando o caminhão, em busca dos produtos que interessam a eles e depois largam o resto do lixo no chão, deixando uma imundície o local. É preciso não só orientar a população para a reciclagem, é tempo também de reciclar esses catadores. A propósito: Um veículo Santana de Criciúma, com um casal em seu interior, catava papelão em Tubarão. Pode? Agora até o lixo querem levar de nós?

 

Lição de vida

Reconhecer os erros e pedir desculpas e perdão são atos que demonstram dignidade e humildade. Nem todos têm essa capacidade, contudo. Quem erra tem a chance de fazer tudo diferente. Todo ser humano falha e comete equívocos. O problema é que o orgulho e a vaidade – em alguns casos – são maiores que a humildade de reconhecer os erros.

 

Mala e bagagem

Leitor da coluna pede, encarecidamente, aos estudantes e senhoras que utilizam os transportes coletivos de Tubarão para que, ao entrarem nos ônibus e vans, coloquem suas enormes mochilas ou bolsas na parte da frente do corpo a fim de facilitar a circulação de todos os passageiros. Ao deixarem mochilas nas costas e bolsas nos ombros instala-se um engarrafamento interno nos veículos. Ninguém sobe, ninguém desce. Afora que muita gente, sobretudo idosos e crianças, acabam levando bolsadas na cara por pura desatenção dos donos das "bagagens".

 

Aposto que essa ninguém sabe

Para descobrir o número de seu calçado basta medir o tamanho do seu pé e depois dividir por 0,66. Ex: se o seu pé mede 25 cm, você divide 25 por 0,66, o que dará 37,8. Você então arredonda para o 38. Eu aposto que meus três ou quatro leitores não sabiam disso!

 

FALAR EM PÚBLICO

O Diretório Central dos Estudantes – DCE da Unisul promove o curso de oratória “Perca o medo de falar em público”, que será oferecido em duas turmas. A primeira no dia 30 de abril, sábado, das 9 às 17h, e a segunda turma nos dias 2 e 3 de maio, segunda e terça-feira, das 19 às 22h30min, no Salão Nobre da Unisul. O curso, ministrado pelo jornalista e escritor, José Henrique de Souza, aborda o medo, a insegurança e a timidez que são sentimentos que atrapalham a comunicação oral; e as técnicas da oratória, como postura, gestos, olhar, entonação de voz, entre outras. 

 

Para finalizar

Páscoa é tempo de amor, paz e esperança. É tempo para estar em família e celebrar a renovação da vida. É tempo de agradecer por todas as benções e alegrias que temos.  É tempo de retribuir o carinho daqueles que nos fazem felizes. Que nesta época de passagem todos possam recomeçar seus caminhos, sempre com o desejo maior de fazer e ser feliz.  Boa Páscoa, leitores!

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!