Cricri (13nov10)

12/11/2010 19:24

 

Capivari

Vereador irrita moradores

A união da comunidade, mais precisamente dos moradores da rua José Anastácio Teixeira, em Capivari de Baixo, que fica lateralmente com a BR 101, do trevo até a entrada do bairro Bandeirantes, houve a conquista junto ao Dnit, a liberação para colocação de redutores de velocidade  na referida via. Foi uma grande alegria para todos os moradores, mas receberam a triste noticia quando souberam que essa luta criou a ira do vereador Ailton (DEM) que, na mesma semana, enfurecido pediu explicações ao órgão responsável para retirar, manifestando seu desacordo. Uma postura inadmissível de quem teve a si delegada a missão de defender e representar a comunidade e não de ir contra ela. A decepção foi  maior quando um temporário vereador e morador do bairro, o Eltinho, sequer saiu em defesa da comunidade. A comunidade espera o apoio do deputado Comin,  pois não acredita mais nos vereadores de Capivari. Profundamente lamentável isso!  Curitibanos também não. 

 

Justiça

Justiça seja feita. Vereadores Berenice Durante, Antonio Dias André, o "Geada", Osvaldo Cruzetta, o "Vá" e o tucano Mário Coan, lembraram na sessão de segunda-feira (08) o esforço feito pela vereadora Suzelei Padilha, a "Lela" para a conquista da instalação de um escritório regional da Junta Comercial do Estado de Santa Catarina no município de Orleans. Uma antiga reivindicação dos empresários orleanenses, que através dos seus representantes da ACIO – Associação Comercial e Industrial vinham solicitando esta representação à Junta Comercial do Estado. Este escritório vai facilitar todos os trabalhos de registro de empresas e outros documentos que até então são feitos em outros municípios como Criciúma, Tubarão e Braço do Norte. Esta conquista se deu com apoio do então deputado estadual, Clésio Salvaro (PSDB), hoje prefeito de Criciúma, com a decisiva participação da vereadora Lela Padilha (PSDB), do secretário regional de Braço do Norte Gelson Padilha e pelo atual presidente da ACIO, Evâneo Baschirotto e sua diretoria.

 

Bombeiro

Na ausência do vereador Walter Orben, o governo do município de Orleans ganhou mais um bombeiro na Câmara Municipal de Vereadores, Márcio Tezza. Depois de ouvir as denúncias e desabafo do dentista Paulo Bertoldi, questionou a postura do profissional que reside há cerca de três anos em Orleans. Disse que Bertoldi, neste pouco tempo que está na cidade, só vem tumultuando e saiu em defesa do secretário Paulo Conti e, principalmente do médico Arcângelo Librelato. Lembrou aos presentes na sessão da Câmara que Librelato, considerado o super secretário, já está na função em três administrações e, até então, ninguém falava nada. E concluiu que o dentista está trazendo prejuízos ao município com essas manifestações e que Arcângelo tem de ser tratado com mais dignidade. Então, tá! Não é só o Bertoldi que fala. A Presidente do Poder Legislativo, Nice Durante, levou o assunto para a MPSC e MPFD. Pelo visto, o vereador não anda nas ruas junto ao povo, não escuta servidores e não lê esse hebdomadário, que há muito tempo trata das ações "duvidosas" do super secretário. Evidentemente que se ele for inocentado, haveremos de repercutir. 

 

Contas de Stüpp

O Poder Legislativo tubaronense aprovou por esmagadora maioria, as contas de 2005 do ex-prefeito Carlos José Stüpp/PSDB. Os articulistas da cidade, entre os quais eu humildemente me incluo, já profetizavam o ocorrido na noite de quinta-feira (11). Sem querer emitir parecer pessoa, pergunto: Qual é mesmo o papel do TCE? Abaixo o TCE, abaixo o TCE.

 

PP

O político não precisa ser perfeito, ele precisa ser honesto e convicto. O PP possui dois vereadores com assento na casa do povo em Tubarão, Dionísio Bressan e Deka May. O primeiro  votou com o PSDB, talvez num esforço para manter os cargos indicados por ele na prefeitura, entre os quais o Secretário de Agricultura, José De Piere. Não sei se o vereador Deka tem pessoas indicadas, mas a maioria os tem, e ai reside à explicação mais lógica para a goleada pró-Stüpp. 

 

Por e-mail

Leitor Ladinei através de emai-l emitiu na manhã de ontem (12) sua opinião: “Eu sei que a maioria dos vereadores de Tubarão são honestos, o meu candidato está lá. Mas agem como uma quadrilha. Inexplicável. Eu li certa vez que uma ONG insatisfeita com a aprovação das contas de um prefeito, denunciou ao MP e a coisa fedeu. Tem alguma ONG funcionando em Tubarão? Se tem, os membros indicaram alguém para cargo na prefeitura?”. 

 

Ladinei

Um dos secretários mais poderosos da prefeitura, ligado ao PP, me disse categoricamente: “Olha Salmon como as coisas andam começo a desconfiar até de algumas pessoas que batem o ponto no fórum. Sinto isso por alguns juízes e promotores da cidade. Parece que não enxergam, não procuram”. Com a palavra a PMT, Poder Judiciário e MP. 

 

Absurdo

A falta de zelo sobre a coisa pública, o desleixo com que o prefeito de Laguna administra Laguna, que muito depende do turismo, mais uma vez torna-se notícia. Desta feita, foi na quinta-feira (11), quando turistas idosos do RS visitavam os Molhes da Barra quando subiam a escadaria acabaram sofrendo ferimentos por ocasião da queda da escada. Não faltava mais nada. Daqui a pouco, se não tratarem com mais cuidados a cidade, coisas piores podem ocorrer. Outra coisa: Por que a Guarda Municipal não cuida do Morro da Glória? Inúmeros assaltos vêm sendo cometidos contra turistas naquele local. Sem falar no abandono. É uma vergonha!

 

To Pasmo!

Se o motivo da demissão em massa foi pela queda da receita, porque a responsável pela não publicação da lei do IPTU, que causou tanto prejuízo ao erário não foi demitida? Alguém pode dizer por que nenhum parente da primeira dama ou do Sr. prefeito foi demitido? Coincidência ou não? 

 

Laguna I

Se o respeito ao ser humano é um dos segredos do sucesso do homem público, o que dizer do Sr. Célio Antônio, ao demitir dezenas de servidores, que sempre lhe foram leais, que só tomaram conhecimento que estavam na rua, pela boca dos outros. Se não respeitou nem os que lhe são próximos, imagina o pobre do povo? 

 

Laguna II

Outra razão para as contas da Préfa estarem num desarranjo é pelo fato dos gastos da Secretaria da Saúde ter ultrapassado aos 30%. Se isso for confirmado, disparado a cidade Juliana tem a melhor Saúde do Brasil.

 

Laguna III

Outra situação intrigante para alguns lagunenses é o fato de vereadores que eram da oposição, mudarem para a base governista, justo no momento em que denunciam o superfaturamento de um para-choque. Custa R$ 71,00 colocado, mas foi comprado na gestão do Célio, por R$ 1.640,00.    

 

Doadora

Me disseram que a Construtora Triunfo, que abandonou as obras de um trecho da BR-101, é a responsável pela obras do trevo de Tubarão, que vai de mal a pior, acarretando desordem no Trânsito da 101, doou R$ 400 mil para a campanha do governador Raimundo Colombo. 

 

Tractebel

Já a nossa gloriosa Tractebel, que polui nosso ar todos os dias, doou 300 mil reais para a Campanha de Angela Amin. 

 

Everildo o Pereira

 

Todos os dias como diria o bagual da minha terra, eu “oiço” o Programa Bom dia SC, que vai ao ar na Santa, 1210, de Segunda a Sábado das 5h às 06h 55min. Música sertaneja raiz e moda de viola, previsão do tempo, manchetes dos jornais, homenagem aos aniversariantes, notícias da polícia e oportunidade de emprego. Everildo é simples, honrado e meu amigo. E disso eu “gostio”.

 

Miguel Ximenes - Prêmio para quem não merece

Desde 1994, o ex-prefeito de Tubarão, Miguel Ximenes de Melo Filho vem abiscoitando cargos e mais cargos, alguns dos quais com polpudos salários, bem superiores ao de deputado Estadual. E convenhamos, para quem não coloca a sua cara no poste, não disputa nem para Sindico, o home é forte quando o assunto é a sobrevida na coisa pública. Vejamos: De 94 à 96, foi diretor do Ministério dos Transportes; De 97 à 98 Secretário de Transportes do Estado; De 99 à 2002, Assessor de bancada do PMDB ALESC; De 2003 à 2004, Secretário de Articulação Estadual; De 2004 à 2005, diretor do BADESC; De 2005 à 2006, Presidente da CELESC; De 2007 à 2010, Presidente da CODESC, onde o salário bate nos 15 mil reais por mês, é o que dizem. Ao todo foram 16 anos fora das urnas, sem nenhuma contribuição ao PMDB, todavia com cargos bem remunerados. E nestas quase duas décadas, nada trouxe para a cidade. Pouco é visto por aqui, isso em funções importantes em que poderia ter mostrado serviço e ajudado ao seu povo a sua cidade. Prestou sim, um grande desserviço. E foi o cargo de representação mais forte ocupado por este “tubaronense”. Como político, é o único que não pode reclamar, afinal só fez o bem para ele, nada fez pela cidade que o viu crescer. Diante de tanta ineficácia, só falta redigir um documento público, penso eu, afirmando não ser de Tubarão. Deveria se espelhar em pessoas que não são daqui, mas que fazem declaração pela cidade todos os dias. Teve também enormes oportunidades de ajudar o seu partido a levantar-se, mas, lavou as mãos como Pôncio Pilatos. Não sei o que será destinado ao PMDB local. Na parte que me toca deixo minha humilde contribuição, para que os Papas do PMDB busquem gente boa e trabalhadora para premiá-los. Fora, Ximenes!

 

 

Decoro que merece cassação

Diante dos incrédulos olhos de duas mulheres Nice/Presidente, Lela/vice, a reunião para discutir o projeto do Executivo de Orleans, acabou de forma humilhante contra uma mulher que merece o respeito. O que levou uma autoridade como o vereador, ex-secretário de Governo João Tezza Francisco, atacar uma mulher que vem defendendo as famílias e crianças de Orleans? Senhores e senhoras, autoridades constituídas de Orleans, as ofensas nominadas em matéria desta edição, e outras palavras baixas proferidas pelo edil, impublicáveis, merecem uma punição exemplar para moralizar e frear as várias situações que visam diminuir a mulher. Uma membra do Conselho Tutelar teve de ir até a Delegacia fazer BO, pedir apoio do Juiz da Comarca, para preservar o seu trabalho sem intimidar-se? Mas o que fez de errado dona Gabriela? Denunciou outro vereador, colega de partido do Dão em caso de corrupção de menores. Esperemos que a Justiça seja feita. No caso do Zalmir, nem sei. Mas a falta de respeito com esta senhora na casa do Povo não pode passar em branco. Numa reunião oficial? Este Vossa Excelência deve ser denunciado por falta de decoro e por desacato a funcionário público. Conselheiro Tutelar é funcionário Público e estava na luta pelos interesses da instituição. Vamos ver o que os vereadores vão fazer.

 

Descaso

Leitor da coluna em Tubarão vem a duas semanas colocando o lixo reciclável na frente de sua casa embalado em saco plástico, separados para este dia em que o caminhão passa, toda quinta feira até a noite. Mas, reclama e acha absurdo porque quando chegam a passar o lixo já está todo revirado pelos caixoteiros que também fazem uma escolha e deixam as embalagens todas espalhadas pela calçada. Isso faz com que volte mais de dez vezes ao dia arrumar aqueles sacos revirados. Sua revolta é porque tem certos produtos como restos de isopor vindos de embalagens de eletrodomésticos que nem os caixoteiros e nem a empresa responsável recolhem este tipo de material. A funcionária da empresa  abre os sacos e separa ali mesmo o lixo e deixam alguns produtos de volta na frente de casa e diz que  elas não recolhem este tipo de material. Ele volta a colocar pra dentro do terreno esperando outro caminhão do lixo. Eles também não levam. De quem é a culpa?

 

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!